Fórum PiR2
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Solução tampão

2 participantes

Ir para baixo

Solução tampão Empty Solução tampão

Mensagem por Diskestudant38 Sex 06 Ago 2021, 10:31

Na bancada de um laboratório existem dois frascos contendo soluções de um ácido fraco monoprótico genérico HA com diferentes concentrações. Foram transferidas alíquotas de 25 e 50mL das soluções contidas nos frascos 1 e 2, respectivamente, para um novo frasco. Após medir o pH da mistura constatou-se que ele era igual a 3,8. Calcular a concentração de cada uma das soluções contidas nos frascos 1 e 2, sabendo que a concentração total da solução contida no frasco 1 é o dobro da concentração total da solução do frasco 2, e que constante de dissociação do ácido é Ka)HA = 6,3 10-5 .

Diskestudant38
iniciante

Mensagens : 19
Data de inscrição : 18/05/2021

Ir para o topo Ir para baixo

Solução tampão Empty Re: Solução tampão

Mensagem por Jean2 Sex 06 Ago 2021, 21:20

Seja M1 e M2 as molaridades dos frascos 1 e 2, respectivamente, e M a molaridade da solução final. Assim:
A molaridade final será dada pela média ponderada das molaridades tendo o volume como peso de ponderação.
M = (M1.25 + M2.50)/75 = (M1 + 2.M2)/3, como M1 = 2.M2 >>>> M1 = 1,5.M e M2 = 0,75.M
Seja "α" o grau de ionização do ácido: 

Como o ácido é fraco [HA] ≃ M e [A-] = M.α
[latex] \alpha =\sqrt{Ka/M}= \sqrt{6,3.10^{-5}/M} [/latex]



[latex]HA \rightleftharpoons H^{+} + A^{-} [/latex]


[latex] Ka =\sqrt{6,3.10^{-5}/M}.10^{-3.8} = 6,3.10^{-5} \rightarrow M \approx 4.10^{-4}mol/L[/latex]



M1 = 1,5.M = 6.10-4mol/L e M2 = 3.10-4mol/L
Jean2
Jean2
iniciante

Mensagens : 9
Data de inscrição : 09/10/2019

Ir para o topo Ir para baixo

Ir para o topo


 
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos