UESB 2017

Ir em baixo

UESB 2017

Mensagem por jubis09 em Sab Fev 24 2018, 22:54

A primeira vez que se mencionou o açúcar e a intenção de implementar uma produção desse gênero no Brasil foi em 1516, quando o rei D. Manuel ordenou que se distribuíssem machados, enxadas e demais ferramentas “às pessoas que fossem povoar o Brasil e que se procurasse um homem prático e capaz de ali dar princípio a um engenho de açúcar ...”. Como se pode notar, a ideia era obter lucro com a nova terra, antes que ela se transformasse num problema. E era esse o “sentido da colonização”: povoar, mas sempre pensando no bem da metrópole. (SCHWARCZ; STARLING, 2015. p. 53-54). 
O processo de colonização da América se insere no contexto geral da política mercantilista, cujos desdobramentos se fizeram sentir
01) na acumulação de capital reinvestida no processo da Revolução Industrial, que contribuiu para a ampliação do sistema colonial inglês na América. 
02) no processo de colonização das Treze Colonias Inglesas, cujo objetivo central era o povoamento, abdicando do processo de exploração colonial. 
03) na instalação dos engenhos de cana-de-açúcar e dos primeiros escravos, com a chegada de Pedro Álvares Cabral, ao Brasil, cuja expedição objetivava dar início à colonização. 
04) na bem sucedida experiência das Capitanias Hereditárias, no Brasil, que evitou disputa de terras entre os elementos da aristocracia rural brasileira. 
05) na camada social dos criollos, na América hispânica, setor proprietário de terras, de minas e do comércio, contudo sem direitos de participar da alta administração colonial.

Resposta: 05

Gente alguém pode me explicar porque a alternativa 01 está incorreta?

jubis09
iniciante

Mensagens : 11
Data de inscrição : 05/09/2017
Idade : 20
Localização : Salvador, BA, Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: UESB 2017

Mensagem por Pedro Celso Silva em Seg Fev 26 2018, 00:04

Porque os ingleses,aqui na América se voltaram à apenas à América do Norte, ali com Canadá e Treze Colônias,uma colonização por povoamento e não exploração e interessada no comércio de peles. Jamaica e Guiana eram as únicas colônias de exploração da Inglaterra na América,serviam como entrepostos comerciais,mas naquela época,1516, a Inglaterra estava conquistando os mares para conseguir dinheiro. Foi só a partir de 1700 que finalmente,conseguiram reserva de dinheiro,matéria-prima e mão de obra para fazer a Revolução Industrial e criar a maquinofatura. No entanto,200 anos se passaram.A Inglaterra roubou da Espanha o título de melhor Marinha e mais poderosa do mundo. Contratava corsários para saquearem portos de outras colônias e o ouro espanhol,e revendia. A Partir de 1651,eles definitivamente controlavam os mares mundiais,com os Atos de Navegação.
A Acumulação de capital para a Revolução Industrial se deu através dos cercamentos dos campos para dar lugar às ovelhas. A confecção de roupas e tecidos ingleses eram raridade na época,e isso dava importantes lucros à Inglaterra. Assim como,o tráfico de escravos, e o domínio dos mares. A Inglaterra decretava que navios mercantes que chegavam ao país só poderiam ser britânicos. E com esse dinheiro eles investiram na Revolução Industrial deles. Inclusive,uma importante receita britânica eram a Índia,as Treze Colônias, Canadá, países africanos e asiáticos. A América de fato (América Latina) não tinha taaanta importância de fato para a $$$ britânica e para a Revolução Industrial.
avatar
Pedro Celso Silva
Recebeu o sabre de luz
Recebeu o sabre de luz

Mensagens : 193
Data de inscrição : 20/08/2015
Idade : 19
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum