Olá companheiro de fórum!



- queira, por favor, ler os regulamentos e postar de acôrdo com eles.


- observe que existem diversas seções e coloque sua questão no local correto.


- abra um tópico para cada questão - uma questão por tópico

Seja bem vindo!

Conflito Brasil e Argentina

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Conflito Brasil e Argentina

Mensagem por fergasfig em Qui Maio 07 2015, 23:00

As relações brasileiras e argentinas entraram em crise devido ao (à): 

a) reação do governo imperial ao projeto de incorporação do Uruguai à Confederação Argentina (ok)

b) intervenção rosista, apoiando o republicanismo e o separatismo dos farroupilhas. 

c) reconhecimento da independência do Paraguai pelo Brasil (por que isso foi motivo para entrar em crise?) 

d) série de conflitos fronteiriços provocados pelos oribistas, aliados de Rosas (ok)

e) todas as respostas anteriores

R: E

Queria saber o motivo para a C estar correta

fergasfig
Estrela Dourada
Estrela Dourada

Mensagens : 1052
Data de inscrição : 08/04/2015
Idade : 21
Localização : São Paulo- SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conflito Brasil e Argentina

Mensagem por Convidado em Sex Maio 08 2015, 07:51

Alternativa C: A Argentina queria anexar o Paraguai naquela época. Veja o trecho:

"À medida que Buenos Aires tornava-se mais poderosa, os líderes paraguaios insurgiam-se contra o declínio da importância de sua província e, embora também contestassem a autoridade espanhola, recusaram-se a aceitar a declaração de independência da Argentina (1810) como extensiva ao Paraguai. Nem mesmo a intervenção de um exército argentino, comandado pelo general Manuel Belgrano, conseguiu efetivar a incorporação da província. Mais tarde, porém, quando o governador espanhol do Paraguai solicitou auxílio português para defender a colônia dos ataques de Buenos Aires, os paraguaios, liderados por Fulgencio Yegros, Pedro Juan Caballero e Vicente Ignácio Iturbide, depuseram o governador Bernardo Velasco e proclamaram a independência do país a 15 de maio de 1811."



Por intermédio da missão da missão de José Antonio Pimenta Bueno, futuro Marquês de São Vicente, o Brasil reconhece a independência do Paraguai, em 14 de setembro de 1844. Como o Paraguai tinha conseguido se escapar do domínio Argentino, ele era considerado por estes como uma "Província Rebelde", daí esse conflito com o Brasil.



É interessante lembrar, também, que o Brasil temia que a Argentina anexasse o Paraguai, pois, neste caso, a navegação no Rio da Prata seria inviável, já que ele se tornaria um rio interiorano, e não fronteiriço. Este rio era importantíssimo para escoar a produção do interior do Brasil para o mar. 



PARA COMPLEMENTAR



         O Brasil influenciara um golpe de estado no Uruguai e o Paraguai - temendo a extensão do território brasileiro sobre o seu - declarou guerra ao Brasil. Formou-se, então, a tríplice aliança entre Uruguai, Brasil e Argentina contra o exército paraguaio. Um dos objetivos do império brasileiro era impedir que, por meio de acordo com o Paraguai, a Argentina ampliasse sua fronteira com o Brasil no estado do Mato Grosso, distante do Rio de Janeiro e, portanto, de difícil proteção.





Se tivesse seu território dividido como queria a Argentina, o Paraguai ficaria encerrado entre duas províncias argentinas (Missiones e Chaco), surgindo daí o medo de uma possível anexação do território paraguaio. Um dos fortes elementos que influenciaram a guerra foi a crescente desconfiança entre chefes militares e políticos brasileiros e argentinos, principalmente, nessa questão da divisão do território paraguaio.





      No entanto, faltando dois anos para o fim da guerra, as forças de oposição chegaram ao poder, tanto na Argentina quanto no Brasil, o que acabou por acelerar o fim do conflito. Deu-se então profunda ação da diplomacia imperial brasileira para isolar a Argentina e levar o Paraguai à independência, pondo abaixo as intenções de ganho territorial argentinas.





      Assim, o governo do Paraguai foi estabelecido, sendo sustentado pelo Império brasileiro, que acabou por transformar o país em um protetorado. O medo de que a Argentina pretendia anexar o Paraguai pode ser justificado ao analisar as proximidades entre os dois países: idioma (Guarani), moeda, cultura, constituição e sistema penal, por exemplo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conflito Brasil e Argentina

Mensagem por fergasfig em Sex Maio 08 2015, 08:16

Dezotti, MUITO obrigada por toda a explicação! Agora sim está entendi =) Obrigadaa

fergasfig
Estrela Dourada
Estrela Dourada

Mensagens : 1052
Data de inscrição : 08/04/2015
Idade : 21
Localização : São Paulo- SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum